ARAGUAINA-TO. O empresário morre ao reagir tentativa de assalto em Araguaína, mas mata um dos criminosos e deixe o seu comparsa ferido.

NOVA REDAÇÃO;

Atualizada: no dia 26/06/17 às 10:h56min por Segurança privada Jucelino;

 

Veja o empresário veio também a óbito quanto reagiu o assalto

*Empresário morre ao reagir a tentativa de assalto em Araguaína, mas mata criminoso e deixa comparsa ferido*

Veja aí os meliantes um ficou ferido e o outro veio a óbito

Uma tentativa de assalto terminou em tragédia na noite deste domingo (25), em Araguaína. Um empresário do ramo de bebidas e um dos assaltantes morreram na ação criminosa. O fato ocorreu por volta das 22 horas, na Rua Bogotá, do Setor Rodoviário.

Segundo informações, a dupla de assaltantes, Fábio Soares Gonçalves, 32 anos, e Edésio Correia da Silva, de 31 anos, entrou na residência do empresário José Almeida Carneiro de Sousa, 56 anos, para roubar sua caminhonete Hillux, porém, ele reagiu e atirou contra os criminosos, que também revidaram.

Na troca de tiros, o empresário e o assaltante Fábio Soares morreram. O assaltante ainda conseguiu correr, mas foi encontrado morto em outra rua nas proximidades.

Já o comparsa Edésio ficou ferido no local com uma perfuração no tórax, mas consciente e recebeu atendimento do Corpo de Bombeiros. Ele foi encaminhado ao Hospital Regional (HRA). Segundo os bombeiros, o assaltante não portava documentos e negou-se a dar informações pessoais.

Edésio já tem passagem por roubo na cidade de Gurupi e esteve preso no Presídio Barra da Grota. Fábio também já tinha passagem por roubo.

O empresário chegava na sua residência no momento em que foi abordado pela dupla de assaltantes. Almeida deixa três filhos, sendo um bebê de quase 2 anos. O corpo será levado para o Estado do Maranhão.

A perícia e o delegado plantonista Bruno Ventura estiveram na cena do crime.