GERAL: Brasil- dicas importantes para vigilantes que faz segurança bancários.

NOVA REDAÇÃO;

ARAGUAINA-TO.

Atualizada: no dia 26/06/17 às 14:h45min por Segurança privada Jucelino.

 

Dicas importantes para quem atua com Segurança Bancária

Por força da Lei 7.102/83, as instituições financeiras são obrigadas a possuir sistema de segurança com pessoas adequadamente preparadas, denominadas vigilantes. Logo, não se trata de uma faculdade e sim de uma obrigação a que todos os estabelecimentos financeiros devem se submeter, mantendo vigilância ininterrupta durante seu horário de funcionamento.
Por se referir a local em que há guarda de valores e movimentação de numerários, é inegável que se trata de um ponto visado pelos criminosos e que exige do vigilante atuação atenta para garantir a prevenção e, por conseguinte, a proteção das pessoas e do patrimônio.
Na vigilância dos estabelecimentos financeiros o vigilante deve sempre procurar posicionar-se em pontos estratégicos, o que lhe permitirá maior ângulo de visão, de modo que sua retaguarda esteja sempre protegida, impedindo dessa forma que seja alvo de criminosos que sempre se valem do fator surpresa.


Os deslocamentos para fazer a rendição do ponto estratégico (cabines ou similares) devem ser feitos em momento oportuno, sem seguir rotinas, procurando a ocasião de menor movimento na agência, deslocando-se com as costas protegidas, o coldre aberto e mão na arma, a arma no coldre e o dedo fora do gatilho.
A segurança de bancos e agências é fundamental para que clientes e usuários possam efetuar suas transações, sacar dinheiro e resolver suas pendências de forma despreocupada. Os vigilantes que atuam nestes ambientes devem ser os mais bem treinados, pois lidam diretamente com criminosos que se dedicam a roubo a bancos, extorsão mediante sequestro e várias situações perigosas.
Para aumentar a segurança das agências, é preciso ter atenção nos mínimos detalhes, desde o funcionamento de equipamentos até o procedimento de ações e movimentação interna. A porta giratória é um dos recursos mais difundidos, mas precisa ser bem utilizada pelos vigilantes e funcionários do banco para garantir mais proteção.
Confira algumas dicas importantes:
• Para segurança máxima, não deve-se permitir a entrada de duas pessoas ao mesmo tempo, quer na Porta Giratória.
• Toda vez que o sistema atracar e o cliente estiver dentro da caixa de passagem, o vigilante deve pedir que ele saia e volte a entrar pelo Detector Portal.
• Não se pode julgar as pessoas pela cor, crença ou forma de vestir. O bom atendimento é extensivo a todos. A porta de segurança não é discriminativa, não é ela que determina quem deve entrar na unidade. Por isso, em casos de travamento, é importante não dar um atendimento diferenciado ao cliente ali retido.
• Tanto o vigilante como os funcionários do banco devem transparecer ao cliente que não está desconfiado dele em particular, mas sim, obedecendo aos procedimentos de segurança.
• Por isso é importante que o controle de liberação da porta seja mantido longe da vista do público, evitando assim transparecer que seria o vigilante ou funcionário do banco que está determinando quem pode entrar na agência.
• É necessária uma checagem diária do funcionamento do sistema. Esta checagem poderá ser feita por um vigilante armado e acompanhado de um funcionário do Banco. Testar entrando e saindo normalmente.
• Atenção: Nunca deixar a equipe testar o sistema portando o revólver na mão e com o corpo parado. É necessário fazer o teste entrando e saindo normalmente pela porta, como qualquer cliente.
• Durante o expediente externo, se o vigilante suspeitar qualquer anormalidade, retestar o sistema. Esta norma ou praxe deve ser rigorosamente observada.
• Havendo qualquer irregularidade, chamar imediatamente a Assistência técnica, tomando as seguintes providências, para evitar surpresas desagradáveis.
Estes e outros cuidados são para evitar surpresas inesperadas e desagradáveis. Os bandidos estão à espreita de oportunidades e assaltos podem ocorrer durante o expediente interno. A Poliservice tem os melhores profissionais para atuar na vigilância de bancos, entre