PREFEITURA DE ARAGUAÍNA- pavimentação da segunda etapa do setor Araguaína sul está garantida.

DIVULGAÇÃO  1°  P/  USUÁRIO. “


Reprogramação de investimentos na ordem de R$ 17 milhões darão continuidade também às obras, que incluem asfalto, drenagem e recapeamento, de mais três bairros.

NOVA REDAÇÃO:

ATUALIZADO;  no dia 28/01/18  às 16:h15min por SEGURANÇA PRIVADA Jucelino… ( FOTOS e VÍDEOS  ) compartilhe. “

O prefeito Ronaldo Dimas obteve, nesta quinta-feira, 25, aval para que o Estado possa reprogramar investimentos na ordem de R$ 17 milhões em pavimentação, drenagem e recapeamento de importantes bairros de Araguaína. O dinheiro foi obtido pelo Governo do Estado por meio de convênio com o Ministério das Cidades e a Prefeitura de Araguaína é parceira no desenvolvimento do projeto.

O aval foi alcançado durante reunião na capital, Palmas, com o coordenador de filial de Gerência de Governo da Caixa Econômica Federal no Tocantins, Antônio Carlos Bianchi. Com o aval, os recursos necessários para a segunda etapa da pavimentação do Setor Araguaína Sul estão garantidos.

O encontro também contou com representantes da Agência Tocantinense de Transportes e Obras (Ageto), da construtora CCB, da BRK Ambiental, da Prefeitura e Câmara Municipal de Araguaína. Além do Araguaína Sul, serão beneficiados os bairros São João, Conjunto Patrocínio e Santa Terezinha.

Benefícios
“Para nós, essas obras serão muito importantes, tanto que tudo estava no escopo original do projeto. Vamos beneficiar diretamente cerca de 15 mil pessoas com as melhorias”, comemorou Ronaldo Dimas.

Ao todo, o projeto financiou R$ 41 milhões, dos quais R$ 24 milhões já foram aplicados. “Nós melhoramos o pavimento e de toda a cidade. Acabamos com muitos dos buracos em Araguaína. Fizemos isso com planejamento e obras estruturantes, sempre com asfalto de alta qualidade”, ressaltou Dimas.

Como as obras também contam com calçamento e colocação de rede de esgoto, a BRK Ambiental participou da reunião para que o remanejamento da aplicação dos recursos fosse feito tudo de acordo com as normas estipuladas pelo Ministério das Cidades.