SANTA-FÉ.” Em Santa Fé o homem mata a própria esposa por não aceitar o fim do relacionamento.

DIVULGAÇÃO 1° P/ USUÁRIO.”

Femininicídio

Um homem, não aceitando o término do relacionamento com sua companheira, desferiu um golpe de faca no pescoço dela e posteriormente desferiu um golpe no seu próprio pescoço. Foram socorridos, contudo ela evoluiu a óbito. Ele ainda tentou dissimular ter sido ela quem desferiu os golpes nele e em si, mas os Policiais Militares constataram ter sido ele o autor do crime e portanto recebeu voz de prisão e foi autuado por femininicídio. A faca foi apreendida e conduzida para a DP.

Ele já tinha passagem pela polícia por violência doméstica contra a mesma vítima, naquela ocasião ele a agrediu fisicamente e ainda tentou incendiar a casa. A separação se deu possivelmente por conta de sua postura agressiva”.

NOVA REDAÇÃO:

ATUALIZADO; No dia 11/05/19 às 13:h27min por SEGURANÇA PRIVADA jucelino… ( FOTOS e VÍDEOS ) compartilhe.

O fato aconteceu às 23h30 desta sexta-feira, 10, em um bar localizado na Rua Ypê, Centro, em Santa Fé do Araguaia-TO, onde uma Guarnição de Rádio Patrulha realizava patrulhamento, quando recebeu informações de que um homem estaria brigando com sua companheira e teriam entrado no banheiro do estabelecimento.
Os Policiais Militares desembarcaram para averiguar, quando já perceberam, junto com testemunhas, sangue jorrando por baixo da porta do mencionado banheiro, portando forçaram a porta e depararam-se com o casal caído ao lado do vaso sanitário ensanguentados, ambos com cortes no pescoço.

Com o apoio da ambulância local, a Polícia Militar conduziu o casal, o homem (26 anos) na própria viatura e a mulher (32 anos) na ambulância, para o Hospital Regional de Araguaína-TO, para os devidos cuidados médicos. Ali, os Policiais Militares tomaram conhecimento de que a mulher teria evoluído a óbito.
O homem ainda tentou dissimular dizendo que teria sido uma briga e que a mulher teria lhe desferido um golpe no pescoço e depois desferiu-se outro golpe no próprio pescoço dela, contudo, como recebeu informações de que ele é que estava nervoso brigando com ela e que proferiu palavras ameaçadoras contra a vida dela, os Policiais Militares deram-lhe voz de prisão, sendo ele autuado em flagrante por femininicídio. A faca utilizada no crime foi apreendida e entregue na DP de Plantão para juntar ao processo.
O golpe que ele próprio desferiu em seu pescoço não foi profundo e, assim, ficou sob cuidados médicos no hospital, porém sem risco de vida. Foi verificado que ele cometeu o delito devido não aceitar o término do relacionamento. Ele já tinha passagem pela polícia por violência doméstica contra a mesma vítima, naquela ocasião ele a agrediu fisicamente e ainda tentou incendiar a casa. A separação se deu possivelmente por conta de sua postura agressiva.