TOCANTÍNS- Prefeito de Araguaína e de Palmas, sai de licença a partir de Janeiro.

DIVULGAÇÃO 1° P/ usuário;”

Prefeitos de Palmas e Araguaína saem de licença a partir de janeiro; entenda
Carlos Amastha (PSB) deve se afastar para assumir a presidência da Federação Nacional dos Prefeitos. Já Ronaldo Dimas (PR) começa a pré-campanha para governador do Tocantins.


NOVA REDAÇÃO:

ATUALIZADO; no dia 30/12/17 às 02:h06min por SEGURANÇA PRIVADA Jucelino…

 

Os prefeitos das duas maiores cidades do Tocantins devem se afastar dos cargos em janeiro de 2018. Em Palmas, Carlos Amastha (PSB) vai deixar o comando do executivo entre 9 de janeiro e 20 de fevereiro para assumir o comando da Federação Nacional dos Prefeitos. Já Ronaldo Dimas (PR) se afasta da prefeitura de Araguaína no dia 8 de janeiro em pré-campanha ao governo do estado.

Amastha também é pré-candidato a governador e já avisou que deve renunciar em abril para concorrer ao cargo. Ele pode continuar afastado após o período previsto inicialmente, mas o pedido precisará ser votado pela Câmara de Vereadores. Dimas deve ficar 30 dias fora do cargo para visitar cidades e conversar com alguns prefeitos no interior do Tocantins, ele também depende da aprovação da Câmara.

Na capital, o comando fica com a vice-prefeita Cinthia Ribeiro (PSDB). Já Araguaína deve ser administrada por Fraudineis Fiomere Rosa (PSB) até a volta de Dimas.